Roberto Eggers
Regente e compositor

Porto Alegre (18/12/1889 - 14/07/1984)

Iniciou estudos de piano aos 4 anos. Depois passou ao estudo da flauta juntamente com o irmão Alberto. Tornou-se flautista aos 13 anos, após ter trabalhado como eletricista no Cinema Apolo. Voltou ao estudo de piano com Eugênia Masson.

De 1934 a 1936 compôs a ópera Farrapos, com libreto de Manuel Joaquim Faria Corrêa, encenada no Theatro São Pedro em 20 de setembro de 1936. Seu elenco: Branca Bagorro (Sop), Armando Mecone (Ten), Emilio Baldino (Bar), Antonio Carlos Hartlieb Lima (B), Carmen Torres (Mezzo), Luis Moretto (Ten) e Antonio Cesarini (B).

Regeu diversas óperas no São Pedro. Fez músicas para os filmes Parque da Redenção e Rio Guaíba, de Alberto do Canto, em 1940.

Dirigiu o Orfeão Riograndense e foi Diretor Musical das Rádios Gaúcha e Farroupilha.

Além da ópera Farrapos, compôs a ópera Missões, que foi concluída aos 81 anos de idade.

Outras obras:
Poema Sinfônico "A Noite de Natal";
Música Instrumental: Suíte para Flauta e Piano, em 1969 (Noturno, Valsa Serenata, Chorinho e Na Madrugada).